19/03/2020
Excelente notícia: caminhoneiros poderão realizar curso MOPP e de cargas indivisíveis a distância

Caminhoneiros e demais motoristas profissionais de todo o país poderão realizar cursos especializados de transporte, previstos na Resolução nº 168 do Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN), a distância. A novidade será possível graças a Portaria nº 566 do Departamento Nacional de Trânsito (DENATRAN), publicada no Diário Oficial da União (DOU) desta terça-feira, 17 de março.

O documento autoriza o SEST SENAT (Serviço Social do Transporte e Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte) a ofertar por até 5 anos os seguintes cursos e atualizações através da plataforma EaD: 

  • Condutores de Veículo de Transporte Coletivo de Passageiros;
  • Condutores de Veículos de Transporte Escolar;
  • Condutores de Veículos de Transporte de Produtos Perigosos;
  • Condutores de Veículos de Emergência;
  • Condutores de Veículos de Transporte de Carga Indivisível e Outras Objeto de Regulamentação Específica pelo CONTRAN;
  • Atualização para Condutores de Veículo de Transporte Coletivo de Passageiros;
  • Atualização para Condutores de Veículo de Transporte de Escolares;
  • Atualização para Condutores de Veículo de Transporte de Cargas de Produtos Perigosos;
  • Atualização para Condutores de Veículo de Transporte de Emergência;
  • Atualização para Condutores de Veículo de Cargas com Blocos de Rochas Ornamentais e Outras cujo Transporte seja Objeto de Regulamentação Específica pelo CONTRAN. 

De acordo com o SEST SENAT, permitirá ampliar a formação especializada e de qualidade de profissionais para o setor e democratizar o acesso ao ensino profissionalizante. Isso porque, com o início desse serviço, quem quiser atuar ou permanecer trabalhando como motorista profissional terá a possibilidade de se capacitar a distância, estudando pelo computador, tablet ou celular, de qualquer lugar. 

Entretanto, para que os cursos comecem a ser ofertados via plataforma EaD, é necessário que a certificação por meio dos cursos EaD seja reconhecida pelos Detrans (Departamentos Estaduais de Trânsito). São esses órgãos que lançarão, no Renach (Registro Nacional de Condutores Habilitados), a informação sobre a conclusão do curso na modalidade a distância

Depois que o motorista concluir o curso, o SEST SENAT enviará, eletronicamente, o certificado de conclusão para o Detran (Departamento de Trânsito) da Unidade da Federação em que está registrada a carteira de habilitação do condutor. 

Confira na íntegra a Portaria nº 566 do Denatran: CLIQUE AQUI 

Fonte: Caminhões e Carretas - SP
Leia mais:
Estado do Mato Grosso informatiza sistema de concessão de AET - Autorização Especial de Trânsito
Para a Confederação Nacional dos Transportadores Autônomos o Voucher Caminhoneiro não resolve os verdadeiros problemas dos caminhoneiros, e poderá trazer outros
Sua transportadora não sabe como reajustar o preço do frete diante dos constantes aumentos do Diesel?
Problemas com obtenção de AET? Conheça a Central de AET
Não é só nas rodovias federais que os veículos e combinação de veículos com dimensões excedentes ou mesmo veículos convencionais transportando cargas excedentes estão obrigados ao porte de AET.
Escola de Transportes lança pacote de cursos em vídeo
ANTT realiza operação nacional com foco na fiscalização de exigências como Vale Pedágio e Piso Mínimo
Sua empresa sabe o que é e como lidar com exigências como CIOT, IPEF, Vale-Pedágio, Seguro, MDF-E, entre outras?
O problema das empresas de transporte rodoviário de cargas não é apenas o aumento de preço do Diesel
Ganhe dinheiro fazendo AET, quer saber como?